Porque a análise comportamental influência no crescimento de minha empresa?

Imagine 22 pessoas reunidas em um campo de futebol. Todas são dotadas de um talento atlético extraordinário, no nível de Pelé, Garrincha, Rivelino e Ronaldo. Recebem todo o equipamento necessário para jogas futebol: bola, chuteiras, uniformes e traves. Tem até torcida.

Mas suponha que lhes falte um ingrediente vital: as regras do jogo. Essas 22 pessoas nunca ouviram falar de futebol e não têm absolutamente a mínima ideia do que seja. O que aconteceria se fosse dito a todos esses jogadores que jogassem um jogo chamado futebol e não lhes fosse permitido deixar o campo até serem tão capazes de jogá-lo quanto campeões de uma copa mundo?

Imagine o que aconteceria, talvez frustrações, desânimo, discussões. Alguns jogadores poderiam abandonar o jogo, outros poderiam fazer as suas próprias regras. Embora esses jogadores sejam dotados de todos os atributos de estrelas do futebol, talvez eles não conseguiriam desenvolver todo o seu potencial. Ainda bem que na realidade somos educados e treinados a jogar futebol, não é verdade?.

Agora se levarmos esta mesma metáfora relatada acima para dentro das organizações, será que nós sabemos quais são as regras do jogo? quais são os nossos estilos de liderança? Quais são nossas potencialidades e nossos pontos de melhoria? Já pararam para pensar que somos educados e treinados para desenvolvermos atividades no dia a dia, aprendemos várias profissões e entretanto não existe o mesmo investimento para nos auto-conhecer? Aonde esta a regra deste jogo do auto-conhecimento?

No meu trabalho de Coach e de Analista de perfil comportamental  Behavorial tenho percebido profissionais trabalhando em áreas onde suas habilidades não atingem a performance exigida para tal função e chegaram até lá porque eles mesmo ou os seus gestores não perceberam qual o seu verdadeiro talento e qual era o seu estilo comportamental. Profissionais em conflito por não reconhecerem os talentos de seus colegas e exigindo deles tarefas que não são adequadas ao seu perfil. Não conhecem as regras para identificar o seu potencial.

Mas o que o comportamento de uma pessoa tem a ver com os talentos dele? Todo mundo não deveria saber fazer tudo? Bom, talvez todo mundo saiba fazer tudo, entretanto algumas pessoas são mais rápidas, mais eficazes e desenvolvem tarefas com mais qualidades que outras. É como colocar um atacante de um time de futebol a jogar na zaga, ele  jogará lá, mas provavelmente não será com a mesma qualidade.

Algumas pessoas dizem que o ser humano é uma caixa de surpresa, e que muitas vezes não se sabe o que se sai de dentro. Será? aos céticos eu digo, existe uma luz, ou talvez, algumas luzes no fim do túnel! Se você se interessou pelo meu artigo e percebe que você tem essa dificuldade de reconhecer os talentos e habilidades de seus colaboradores na sua empresa fique tranquilo,  nossa empresa é especialista em ajudá-lo a resolver estes problemas. Nos contate e teremos o prazer de conhecer a sua empresa e apresentar todas regras de perfil comportamental.

Deixe uma mensagem

Campos obrigatórios são marcados com *